dom. set 27th, 2020

Nerd Fusão

Seu guia de sobrevivência no apocalipse Nerd

PRECISAMOS FALAR SOBRE DIVERSIDADE

4 min read

Atualmente vivemos um momento de muita reflexão e passamos muitas mudanças enquanto sociedade, ao mesmo tempo, também vivemos um momento turbulento na política nacional e internacional, onde narrativas são formadas para agregar e fortalecer lados, pontos de vistas, convicções e interesses, resumindo, isso é política e ela só funciona manobrando as massas em troca de promessas.

O conceito básico de diversidade é atribuído ao diferente, diverso, variado, e em uma sociedade democrática é extremamente importante vivermos esta diversidade, seja ela, cultural, étnica, religiosa e até mesmo política. Neste momento sensível aqui no Brasil, a diversidade ainda é tratada como um “objeto” responsável por dividir grupos ideológicos, e aqui está, na minha opinião, o maior erro.

Enquanto um lado acredita que as minorias querem benefícios por serem minorias, muitos querem apenas, que as minorias tenham as mesmas oportunidades e direitos que qualquer cidadão ou ser humano merece.

Só quem vive em uma ambiente diverso sabe o quão produtivo é a pluralidade de ideias e contribuições feitas por culturas diversas, pessoas com experiências diversas, orientações diversas e pensamentos diversos.

Só quem sofreu preconceito sabe o que é preconceito, e muitas vezes quem o executa sequer sabe que está cometendo preconceito, mas, ainda há os intolerantes que sabem o que estão fazendo e não escondem o ódio que pregam, falarei de um caso hilário no decorrer da matéria.

Mesmo sendo branco, eu venho de uma origem muito simples e pobre, fui criado pela minha avó e sofri muito durante a minha infância. Eu era o garoto magricelo, sem pais que por muito tempo foi saco de pancada na escola. Sempre me perguntei, o que eu fiz de errado?

Por que as pessoas não podem ser minhas amigas?

Agora pense no que passava e se submetia o negro que estava na mesma situação?

Qual a culpa por ser negro?

Todos sabem que o racismo é crime, mas ele ainda acontece, as vezes de forma velada, as vezes explicitamente. Vivemos em um país onde temos um passado sombrio, onde a escravidão tornou muitas famílias milionárias e muitas injustiças foram cometidas para moldar a estrutura do nosso país. Nós temos sim uma dívida com o nosso povo negro, e promover a diversidade é o mínimo que podemos fazer para amenizar todos esses anos nas gerações que foram prejudicadas e não tiveram a oportunidade de ter um passado como o meu, ou o seu.

Pense que em um passado recente os negros precisavam usar banheiros separados dos brancos, restaurantes não os deixavam entrar. Já imaginou você vivendo esta realidade?

O que você faria?

Promover a diversidade não é colocarem na novela o negro como peão, ajudante ou criminoso. Promover a diversidade não é atribuírem o homossexual como mordomo ou fofoqueiro. Eles podem sim ser médicos, advogados, juízes, engenheiros, diretores e qualquer atribuição que em nossas cabeças ainda são elitizadas ou estereotipadas.

Você é contra as cotas nas universidades, mas quando se torna bem sucedido quer uma vaga exclusiva só pra você no estacionamento da empresa?

Você não tolera os ateus mas usa uma rede social criada por um ateu para pregar a sua intolerância ou até mesmo para ganhar a vida?

Você não promove negros nas lideranças da sua empresa, mas adora colocar aquele bom e velho Jazz ou Blues como música ambiente em suas reuniões? (Deus tá vendo…)

Graças a conscientização e desmistificação da diversidade, temos cada vez mais mulheres ocupando cargos de liderança em grandes empresas, ainda precisamos evoluir muito, mas está acontecendo.

Dentro do nosso mundo Nerd temos pelo 4º ano consecutivo o público feminino como maioria entre os gamers, temos cada vez mais protagonistas femininas em filmes, series, jogos e o público cosplayer feminino está crescendo muito e o que ganhamos com isso?

MUITO MAIS PESSOAS FELIZES!
MUITO MAIS PESSOAS BEM SUCEDIDAS!
MUITO MAIS PESSOAS VIVENDO UMA VIDA NORMAL!

Se você é Nerd, gosta de Star Wars e X-men, você tem a obrigação de compreender o conceito básico de diversidade.

Em Star Wars temos a galáxia sitiada por um tirano opressor com o objetivo de exterminar todos que discordam de suas ideologias políticas e religiosas para ter o poder para si e idealizar um universo escravizado.

Quem foram os responsáveis por derrubar o império?

Um fazendeiro, uma mulher, um alienígena, um ex contrabandista e um negro.

Em X-Men temos um grupo de pessoas oprimidas pela sociedade por serem diferentes, por nascerem com aparência diferente ou ter habilidades diferentes.

Pratique a empatia, abra a sua mente, permita-se conhecer a história do outro, permita-se trocar experiências com pessoas diversas, trate-os como semelhantes, eles não precisam do seu perdão ou nada que você tem, apenas querem o meu e o seu respeito.

Recentemente tivemos o caso do supremacista branco Craig Cobb que foi a um programa de TV americano se submeter a uma exame de DNA para comprovar que ela era “100% puro”, e o que aconteceu?

Ele passou a maior vergonha ao descobrir que 14% do seu DNA é de origem negra. O vídeo você pode conferir AQUI.

E ai, será que supremacista branco vai continuar fazendo parte do grupo que não tolera pessoas “impuras?”

Você que é extremista e intolerante, mude, acostume-se, pois a diversidade está aí e vai deixar você pra trás reclamando sozinho e talvez por ironia do destino, quando você precisar, vai ser alguém que você não tolera o responsável pelo seu emprego, por sua família, pela sua segurança e pela sua saúde.

André Pacheco Administrator
Head of Content , Nerd Fusão
Aqui é Nerd Fusão!
follow me

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *